SNA cobra da ANAC punição às empresas que demitem mecânicos e contratam despachantes

por SINDICATO NACIONAL DOS AEROVIÁRIOS, 24/03/2016 às 11:00 em Artigos

Direção do SNA (Sindicato Nacional dos Aeroviários) participa de reunião com a direção da ANAC (Agência Nacional da Aviação Civil) em Brasília (DF), no dia 23 de março. O objetivo foi denunciar uma prática grave que ocorre em alguns dos principais aeroportos do país: empresas demitem mecânicos sênior, profissionais altamente especializados e responsáveis pelo check-in das aeronaves, e colocam no lugar trabalhadores que exercem a função de DOV (Despachante Operacional de Voo). Esses aeroviários são responsáveis pelo carregamento e balanceamento dos aviões e não têm nenhum preparo profissional para realizar essa atividade.

Carlos Geison, dirigente sindical do SNA, explica a gravidade da situação. Segundo ele, no Aeroporto Internacional Juscelino Kubstichek (DF) houve casos em que as turbinas de aviões da Gol e da Passaredo quase pegaram fogo. “Os companheiros despachantes não estão aptos para fazer check-in nas aeronaves, eles não têm especialização alguma em mecânica de avião. A prática das empresas vai contra as normas da ANAC. Por isso exigimos durante a reunião que fosse realizado o seu papel de órgão fiscalizador, com a punição das empresas”, conta. Segundo ele, a Azul, Avianca e TAM também adotam a política de desvio de função.

As denúncias incluem, além do Aeroporto Internacional de Brasília, os aeroportos de Fortaleza (CE), Salvador (BA), Maceió (AL), Campo Grande (MS) e Cuiabá (MT). Empresas aéreas colocam vidas em risco nos principais aeroportos do país, com o único objetivo de seguir sua filosofia de lucros a todo o custo. A ANAC entende a gravidade da denúncia e informou aos dirigentes sindicais que vai averiguar o caso para punir as empresas. A Agência também pediu auxílio do SNA na fiscalização de irregularidades, que devem sempre ser notificadas aos órgão fiscalizador.

Além de Carlos Geison, representante do SNA em Brasília (DF), participaram da reunião os dirigentes sindicais Leonides França, de Curitiba (PR), Fabrízio Cruz da Costa, de Campo Grande (MS), Luis Carlos Gomes, também de Brasília e o advogado Mozart Camapum, integrante da assessoria jurídica do Sindicato. Entre a direção da ANAC presente no encontro, estava Hélio Sarquis, diretor-geral de navegabilidade da Agência.

Texto: Cláudia Fonseca | Agência Amora

Foto: Direção do SNA 

Tags:   anac   brasilia   mecanicos   dov